Africa Adventure

AFRICA, COMO TUDO COMEÇOU

 
Por Marcelo Resende

Antes eu nem pensava em ultrapassar as fronteiras na África por uma simples e inexplicável limitação dos meus sonhos. E olha que sou um cara sonhador.....

Por vezes vou constatando que quem tem origem simples como eu acaba se privando de muitas coisas tão somente por falta de se permitir sonhar, talvez por ter que se acostumar ao pragmatismo para garantir o dia-a-dia.

Rapidamente foram dados os passos iniciais para assegurar a viagem. Acertamos as férias, compramos as passagens aéreas na South África Airlines e adquirimos os mapas para GPS no Mapsource junto à Tracks 4 África www.tracks4africa.co.za, com a Anja Cook.

Fechamos o aluguel das duas R 1200 GS Adventure com o Albert, da Moto Berlin Ltd www.motoberlin.com . Na própria Moto Berlin, alugamos também os dois robustos bauletos laterais originais de alumínio e o GPS Zumo 550. Uma decisão acertada foi a de pedirmos que fossem instalados os pneus off road Metzeler Karoo nas duas motos, que obviamente também foram cobrados à parte. Apesar de durarem um pouco menos de 5.000km, foram fundamentais para que pudéssemos sair do asfalto e conhecer vários atrativos que não eram aqueles artificialmente preparados para turistas.

Um último detalhe que ainda poderia comprometer a viagem era a séria preocupação com a malária, aspecto que não pode ser desprezado. Após algumas pesquisas, constatamos que o tratamento químico profilático era alvo de muita polêmica, além de não termos tempo suficiente para fazê-lo. Descobrimos o eficiente repelente Exposis Extreme www.exposis.com.br e compramos um bom estoque. Ao longo da viagem, cada um de nós usou por volta de 5 frascos.


Mesmo sem termos informações consolidadas sobre a África, já tínhamos em nossas mentes algumas coisas muito claras:






































- não queríamos fazer os roteiros turísticos tradicionais e tentaríamos dar prioridade à busca por tribos mais isoladas. Nas buscas iniciais, encontramos algumas informações sobre as tribos dos bosquímanos e elegemos encontrar e interagir com uma tribo dessas com uma das nossas prioridades;

- procuraríamos evitar os hotéis de turismo artificial lotados daqueles hóspedes que adoram ser classificados como aventureiros, mas que gostam mesmo é de não assumir nenhum imprevisto ou situação desafiadora. Pelo que foi possível ver, há uma infinidade de lodges e game parks onde é possível passear de elefante, beijar boca de crocodilo e colocar o filho que só conhece o mundo pela TV para fazer carinho em cabeça de girafa. Ou seja: aventura tão autêntica quanto uma nota de R$30,00.

Adquiri o hábito de viajar de moto sem fazer nenhum planejamento. Apenas para a minha primeira viagem eu fiz com alguns amigos houve um planejamento detalhado. Para as demais e sempre viajando sozinho, o improviso continuamente me acompanhou a passei a ter certa repugnância – infundada – às viagens com tudo planejado.

clique na foto para ampliá-la
clique na foto para ampliá-la
Mas no caso da África, em função dos riscos aos quais estaríamos sujeitos, demos início ao planejamento e fiquei impressionado ao ver como o Eduardo conseguia informações das mais diversas fontes.

Foram muitas pessoas que nos ajudaram, mas tenho que ressaltar a boa vontade e detalhes passados pelo Comandante Calixto da Marinha do Brasil que formou o Corpo de Fuzileiros Navais da Namíbia, o Comandante Lázarus, da Marinha da Namíbia, e o Bruno Bonotto.

O Bruno, inclusive, chegou a nos sugerir algumas rotas pelas quais ele havia passado em suas viagens de moto pela região.

Foram todas informações muito úteis

Contudo, às vésperas da viagem, ainda não tínhamos nada determinado quanto ao roteiro e combinamos que simplesmente iríamos pegar as motos, sair rapidamente da África do Sul, muito urbanizada, e deixaríamos o roteiro ir surgindo naturalmente à medida que fôssemos conversando com os nativos.

Fechado o esquema da viagem, embarcamos para Johanesburgo, onde ficamos hospedados no hotel Protea próximo ao aeroporto e também à Moto Berlin. Pegamos as motos e partimos para a Botswana.

Um grande abraço.

Marcelo Resende






Leia também:
VIAJANDO NA ÁFRICA LIVRE
 
 
 
Bookmark e Compartilhe
 

Comentários (13)

3/3/2012 11:51:55
MARCELO ARAUJO
Oi Marcelo....somente um werdadeiro awentureiro toma as decisoes que wc tomou....parabens!
 
30/1/2012 20:50:01
FERNANDO PEDROSO
Marcelo,
viajei em seu relato e tenho para mim o que voce disse " se permitir a sonhar" so assim viajaremos acima de nossa imaginação e ai sim sentir o vento na cara em outros rumos dantes antes numca sonhado, abraço
 
30/1/2012 13:59:15
BETO MARSHALL
Marcelo, as imagens estão show! O relato idem, mas a gente já conhecia elaborador e sua capacidade, e passa aquela inveja saudável (não seria hora de inventarmos o termo apropriado?). Aquele abraço!
 
21/1/2012 20:38:06
ANTONIO BRAGA
Assim é que se tem que viajar.."improvisar" para que as coisas saiam bem.. este site é o melhor que existe sobre viagens, aventuras e passeios em moto.. nao canso de visitar "ROTAWAY" para estar ao tanto de estes moto-viageiros, inspiradores e impulsores das moto-viagens.PRABENS!!
Antonio Braga
Oaxaca-Mésxico
 
20/1/2012 13:40:08
MARCELO VORCARO
E ai Xará Resende,

Caros amigos Edu e xará,

Os limites dos sonhos são nossa rotina, no dia a dia, que nos impedem, por obrigações profissionais e matrimoniais, de sair mundo a fora, se aventurando no intuito de conhecer novas
culturas e lugares. O planejamento e muito importante, pois queima etapas de problemas que podem vir a surgir. Ainda bem que existem pessoas que fazem nossos sonhos ficarem mais fáceis de se realizarem. Obrigado por compartilharem, essas imagens e os sempre excelentes relatos.
Um grande abraço.
 
20/1/2012 12:26:54
OTAVIO ARAUJO GUGU
Marcelo, show de viagem, show de relato e fotos, não canso de olhar e imaginar como foi, só vc contando pessoalmente. Parabéns também ao Eduardo esse verdadeiro "idealizador de aventuras" que tanto estimo. mesmo já tendo lido o relato completo que me enviaram, contunuo acompanhando com extremo interesse. Parabéns amigoa aventureiros !!! Fraterno moto abraço a todos, Gugu Taubaté/SP
 
20/1/2012 10:33:16
LEO COUTO WWW.NIVASOUTO.BLOGSPOT.COM
Viajando com vocês nesta ventura, continuem a nor prestigiar com belas imagens e uma excelente narração.
Abraços.
 
20/1/2012 07:33:51
ADERBAL RAIMUNDO MACHADO DA SILVA
Eduardo e marcelo,
parabens pela coragem e espirito aventureiro. a título de curiosidade, quanto fica o aluguel de uma gsa com os acessorios para enfrentar esta maratona e qual a media de consumo de gasolina ?
grande abraço
aderbal
Salvador/Ba
 
20/1/2012 06:45:19
PIETRO LUCENZZI
Marcelo, muito bom. Esta fantástica viagem vivida por vocês é algo fascinante, e principalmente quando deixar por fazer o roteiro na hora, uma das características do Edu.
Marcelo e Edu, parabéns.
 
20/1/2012 02:13:16
JU MEDEIROS
Eduardo e Marcelo!!!!!!.,.,., Poxa! Essa foto foi falta de consideração, como que depois de tudo mais vocês conseguem uma foto dessa!? É muito merecimento, caramba..l.
 
19/1/2012 23:08:12
DONATO MONTEIRO
Marcelão, viajandão show e muito assertivo teu comentário, por vezes limitamos nossos sonhos, parabéns a vc e ao Eduardo por quebrarem este(s) paradigma(s), tenha certeza que o tour de vcs abriu novos campos e acendeu a centelha nos sonhos de muitos motociclistas (me incluo nestes). Grande abraço e parabéns pelo tour.
Donato Monteiro
 
19/1/2012 22:09:13
PAULO ROBERTO C.PEREIRA
Parabéns amigos;viagem de moto tem que ser assim-sem planejamento e com muita surpresa,torna-se maior a aventura!
Nas minhas viagens que sempre são "solo",procedo assim.
Gostaria de ter ideia de valores do aluguel das motos e gastos em
US$ /dia.
Um abraço do tamanho do elefante ou hipopotamo (os bonzinhos)
 
19/1/2012 20:50:05
JEFFERSON
Caro, Marcelo
Todos temos sonhos que muitas vezes revelam-se na medida do inesperado. Também gostou de tomar a estrada sem planejar de forma neurotizante. Sozinho muitas vezes, vou encontrando no auto diálogo, na rota inesperada, um caminho promissor.
Você e o Eduardo têm nos trazido grandes passagens de um sonho revelado.
Valeu mesmo!
Um abraço
Jefferson
Belo Horizonte
 

Comente

Nome
E-mail
Comentário
Escreva a chave:
MTON
 abaixo